Ginástica laboral no trabalho: os benefícios dos exercícios físicos

Conheça a ginástica laboral no trabalho

A qualidade de vida no trabalho tem se tornado uma preocupação cada vez maior para as empresas. Oferecer um salário justo e a possibilidade de um plano de carreira não são mais suficientes para a retenção de pessoas, por isso a prática da ginástica laboral no trabalho tem ganhado mais força.

Tão importante quanto isso é desenvolver um ambiente saudável e uma gestão sinceramente preocupada com o colaborador no dia a dia da operação. Neste caso, práticas acessíveis, como a ginástica laboral no trabalho, podem contribuir.

Por mais simples que pareçam, esses 15 ou 20 minutos de exercícios físicos durante o expediente representam muito além do que um mero alongamento. É o que o nosso artigo vai tentar explicar.

Continue e acompanhe sua importância, os benefícios para seus colaboradores e como levar a ginástica laboral para a sua empresa!

Por que a ginástica laboral no trabalho é importante?

A ginástica laboral no trabalho é mais uma das vantagens que a sua gestão de benefícios pode oferecer. O conceito trata de uma série de exercícios físicos realizados com certa regularidade junto aos seus colaboradores durante o expediente.

O foco dessas atividades é evitar lesões por má postura e esforço repetitivo, prevenindo doenças ocupacionais.

Além de demonstrar preocupação com seu colaborador, a ginástica laboral é importante para melhorar o desempenho dele e, consequentemente, sua produtividade.

Logo, com uma equipe interna saudável e produtiva, sua empresa colabora para a qualidade de vida das pessoas, aumentando a eficiência e otimizando os resultados.

Quais os benefícios da ginástica laboral no trabalho?

Ginástica laboral no trabalho faz bem
A ginástica laboral no trabalho tem como objetivo principal melhorar o bem-estar dos colaboradores da sua empresa.

Segundo pesquisas recentes, praticar 30 minutos de exercícios físicos diariamente durante cinco dias por semana pode evitar diversos tipos de câncer. Percebeu alguma semelhança com a ginástica laboral? Ótimo!

Logicamente que, dependendo das suas metas de negócio e do tamanho da sua equipe, pode ser impensável estabelecer uma rotina como essa. Por isso, muitas empresas costumam regular as atividades de duas a três vezes por semana.

Confira, em seguida, os benefícios de oferecer ginástica laboral à sua equipe.

Melhora da saúde física e mental

Os exercícios físicos promovidos durante a ginástica laboral no trabalho são diferentes daqueles que encontramos nas academias tradicionais, por exemplo.

Mesmo assim, só o fato de eliminar a má postura e interromper o esforço repetitivo já melhora a saúde física do colaborador.

Os exercícios também contribuem para a nossa saúde mental, já que aumentam os níveis de endorfina, hormônio responsável pela sensação de prazer.

Diminuição do sedentarismo

De acordo com um estudo feito na Noruega, o sedentarismo pode levar à depressão. Por isso, mesmo que por um curto período de tempo, um dos objetivos da ginástica laboral no trabalho é também enfatizar a consciência sobre a saúde física, fazendo o colaborador se dar conta de sua importância.

Conforme o programa vai se desenvolvendo, ele mesmo sentirá falta dos exercícios, até que desperte para a necessidade.

Diminuição de tensões com a ginástica laboral no trabalho

Ambientes corporativos são bastante propensos ao acúmulo de tensões físicas e emocionais. Seja porque as pessoas não costumam fazer pausas para alongar-se ou mesmo pelo fluxo de trabalho excessivo.

Imagine um funcionário que passou a manhã inteira preparando um relatório com prazo de entrega? O momento da ginástica laboral será uma excelente forma de aliviar suas tensões e voltar ao trabalho mais motivado.

Prevenção de lesões

Você já ouviu falar em DORT? Esta é a sigla para Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho. Para explicar de forma simples, trata-se lesões por esforços repetitivos, só que no ambiente de trabalho.

Esses movimentos repetitivos, caracterizados pelo uso excessivo de determinada parte do corpo, prejudicam tendões, músculos e articulações. Com a ginástica laboral no trabalho feita regularmente, você previne essas lesões.

Prevenção de doenças

plano de saúde é um benefício muito importante, claro. Mas e se você pudesse conscientizar seu colaborador de que é melhor não precisar usá-lo?

O mesmo estudo feito na Noruega, citado acima, ainda comprova que atividades físicas leves podem tanto prevenir quanto ajudar no tratamento da depressão.

Isso só para citar uma das numerosas doenças que podem ser prevenidas com a adoção da ginástica laboral.

Como levar a ginástica laboral para minha empresa?

Ginástica laboral no trabalho ajuda as empresas
Seus funcionários terão um momento de relaxamento no momento da ginástica laboral, o que traz muitas vantagens para a saúde, já que diminui a tensão e o estresse.

Por se tratar da aplicação de exercícios físicos, a prática da ginástica laboral no trabalho só pode ser conduzida por um profissional de educação física ou fisioterapia.

Na hora de selecionar o instrutor, o ideal é que você considere, além dos conhecimentos técnicos, a sua habilidade de relacionamento — o que será fundamental para engajar seus colaboradores.

Como a ginástica laboral é uma atividade bastante específica, é provável que você precise contar com um serviço terceirizado. Ele costuma ser oferecido tanto por clínicas de fisioterapia quanto por empresas de consultoria em recursos humanos.

No caso destas últimas, você também tem a vantagem de contar com um suporte de gestão.

fale conosco sobre a ginástica laboral no trabalho

Pensando na Gestão completa dos benefícios 2easy, empresa especializada em Gestão de Processos para Recursos Humanos e Folha de Pagamento, agrega  a sua cesta de serviços o Programa de Qualidade de Vida no Trabalho e conta com o serviço de Ginástica Laboral no trabalhoEntre em contato e solicite um orçamento!

Deixe o seu comentário